Suspeito de assassinato é flagrado por câmera usando cartão da vítima

0
275

A câmera do circuito de segurança de uma agência bancária de Tupã ﴾SP﴿ flagrou o suspeito de ter cometido um assassinato na cidade indo até o caixa eletrônico para sacar dinheiro com o cartão da vítima ﴾veja acima﴿. Segundo a polícia, o registro foi feito depois do crime.

A polícia encontrou o corpo de Claudio Barbosa dos Santos, de 52 anos, em uma plantação de café, perto da estrada vicinal que liga Marília ao distrito de Avencas na quinta‐feira ﴾26﴿. O caso foi registrado como latrocínio, roubo seguido de morte. A polícia descobriu o corpo depois que o soldador Nivaldo Santos, de 45 anos, confessou o crime. De acordo com o delegado responsável pelo caso, Valter Betio, a vítima teria sido morta a pauladas. “Nós fizemos a localização dele.

Através do celular, constatamos que ele tinha contato com a esposa e a enteada da vítima.” Cláudio era morador de Pompéia e estava desaparecido há uma semana. Segundo a Polícia Civil da cidade, que investiga o caso, o homem foi sequestrado e morto a pauladas. No depoimento, Nivaldo confessou que mantinha um relacionamento com a mulher de Cláudio. O soldador disse ainda que na noite do crime, pegou R$ 500 e um cartão bancário da vítima.

No dia seguinte, ele sacou R$ 900 da conta em um caixa automático em Tupã. Foi a partir das imagens do circuito interno do banco que a polícia chegou até o suspeito. O suspeito teve a prisão temporária decretada pela Justiça. A mulher da vítima prestou depoimento e foi liberada, já que a participação dela no crime não foi comprovada.

fileg_252528

 

Fonte: G1